sexta-feira, dezembro 14, 2007

Drunk Perspective – Aristóteles e as Supergirls

Um dos conceitos mais deliciosos com que me deparei nesta minha já longa estadia no ensino superior foi o de “condição necessária mas não suficiente” e isto foi no virar do século, ainda andava eu em Engenharia Física na Faculdade de Ciências e frequentava coisas como Análise Infinitesimal I onde me atiravam doces como a “condição necessária mas não suficiente”.

Para aqueles, como eu, que têm o aristotélico tique de categorizar o seu mundinho, esta ferramenta é da mais primordial utilidade. E quando quero falar de Supergirls então é de vital importância. O conceito é basicamente auto-explicativo, bastará apenas algumas aplicações para o entranhar na sua plenitude.

Problemáticas

-Há dúvidas quanto ao carácter de uma miúda, a sua generosidade, a sua calma em situações de stress, a quantidade de carinho emitida quando interrompida bruscamente numa(probabilisticamente favorável) fase de REM sleep.

-Temos fome depois de uma saída à noite, é madrugada, o dinheiro foi investido em bebidas espirituosas, porém, a gasolina abunda e tanto o saldo como a bateria do telemóvel gozam de boa saúde.

O que fazer?

Pegar no telemóvel e criteriosamente selecionar targets. Quando atendida uma chamada, dizer em tom agradável e bem disposto. “Bom dia, não te acordei pois não? Estou aqui com X(e ou Y), será que é possível que nos dês pequeno-almoço? É que estamos cheios de fome e não temos dinheiro”

Análise de Resultados

À vontade do freguês. No entanto sugiro um pequeno debate inter-pares sobre a chamada que acaba de ocorrer.

Conclusão

Se a dita, que acaba de ser testada responder de uma forma cordata, simpática, disponível para ouvir(não necessariamente disponível para providenciar o repasto), então, estamos perante, não uma Supergirl, mas uma miúda que cumpriu uma condição necessária mas não suficiente para vir a ser uma Supergirl.

Nota histórica:

A primeira classificação dos animais foi feita por Aristóteles, em 350 antes de Cristo.

A classificação Aristotélica dividiu os animais em duas categorias: superiores (animais com sangue) e inferiores (animais sem sangue) – o grau de perfeição de cada animal está ligado à quantidade de calor que ele possui.

7 comentários:

DuChef disse...

AHHAHAAHAHA
"Orientas madalenas a malta?!!"

hugo patricio disse...

É verdade, o azar da malta é que à primeira tentativa nos tocou um par de madalenas atiradas furtivamente por uma janela. Foi a primeira e única vez que nos alimentaram das muitas chamadas que já houveram.

A recordar também, um bilhete deixado por um pai bacano no quarto da sua filha:

"Filha, se não te importas, para a próxima, a ver se combinas o pequeno almoço um bocadinho mais tarde ou então em voz baixa, digamos lá para as 7:30 da manhã já é bom"

Murtosa|in|tha|House disse...

Epa lindo...afinal sempre existem supergirls, pensava que se tratava de mais um mito urbano!!
Mas olha, avisa essa menina que tem que se abastecer de madalenas, pq qq dia já lhe estamos outra vez a bater à porta!
E numa de cordialidade, levamos um Bushmills pro pai e tal... "vá bebendo caro amigo, eu vou só ali ao quarto da sua filha saber se ela precisa de alguma coisa!"

O Normalone disse...

Devo dizer que a analise esta mt superficial,isso da supergirl e giro,mas so pq da pequeno almoço?
Nao sera o inverso? As que dao,nao sao supergirls mas sim,uma beca parvas!!!
E ja agora,mas quem e o cota que vai beber bushmills as sete da manha assim que acorda???

hugo patricio disse...

Cheira-me que a problemática da condição necessária mas não suficiente te passou um bocado ao lado ohhh Normalone.

Murtosa|in|tha|House disse...

Um cota que precisa de uma "ajudinha" pra aturar gajos bebados e famintos logo de manha!! E se o dia tem que começar da melhor maneira, e pq nao começar com um copo de Bushmills a acompanhar uma madalena?!?! BEM BOM!!
Ai ai isto há gente.......

Normalone again disse...

Bem bom?!?!?! Uma madalena e um bushmills as sete da manha??? Curioso entao nunca ter visto alguem faze-lo...
E qnt a ti Pat,a unica problematica que vejo é aquela que dizes ter no ombro...AHAHAHAAHAHAAH